Caetano Veloso diz que “lado homo” dele se orgulha de “reprodução hétero”

78
views

O que era para ser apenas uma mensagem de parabéns para o filho de Caetano Veloso acabou virando palco de uma discussão sobre LGBTfobia. O cantor usou as redes sociais para celebrar o dia de nascimento de um dos filhos e a “reprodução heterossexual” no último domingo (22).

+ Em live, Marília Mendonça se desculpa por transfobia e cede espaço para trans

Como resposta ao início dessa sequência de mensagens de feliz aniversário, o cantor recebeu diversas críticas pelo destaque, apontado por alguns como desnecessário, a reprodução heterossexual. Também houve quem celebrasse “a heterossexualidade” dentre os comentários.

Para colocar fim a discussão, ao final do dia, Caetano voltou ao twitter para esclarecer a razão pela qual parabenizou o filho daquela maneira e disse que o lado homo dele estava orgulhoso da reprodução heterossexual que gerou Moreno.

“Gozado: só me ocorreu mencionar esse aspecto da real forma em que Moreno foi concebido por estar em contato intenso com a obra do filósofo transgênero Paul B. Preciado (o B. em seu nome é de Beatriz, que é como ele se chamava quando era mulher)”, incia Veloso.

Os tuítes continuam com o cantor dizendo que antes era comum pressupor que as concepções se originavam de relações heterossexuais, mas que atualmente “Há mil (e haverá mais) maneiras de se planejar reprodução sem ato hétero”.

“Meu lado homo orgulha-se de ver admitido publicamente que a reprodução heterossexual é, hoje, uma forma entre outras”, pontuou. No entanto, por estarmos falando de internet, a discussão sobre o destaque continuou. Abaixo você confere o início da sequência na qual o cantor justifica a escolha de celebrar o modo que o filho foi concebido.

Comentários

Renan Oliveira
Renan é um jornalista de humor ácido (é bem ruim pela manhã) que acredita que informação é uma das armas mais poderosas contra a LGBTfobia.
COMPARTILHAR