Stephen King e outros autores assinam carta de apoio a transexuais

21
views

A tentativa de J.K. Rowling de invalidar a existência de pessoas trans tem encontrado resistência de diversos colegas do universo editorial. Vários autores, dentre eles Stephen King, editores, jornalistas e outros profissionais estão assinando uma carta de apoio a comunidade trans.

+ J.K. Rowling, games e o feitiço transfóbico

A ação começou no Reino Unido, mas agora ganhou força como uma versão assinada por norte-americanos e canadenses. Ao todo, o documento já possui mais de 1.800 assinaturas com nomes extremamente importantes para literatura mundial.

Além de King que dispensa apresentações, John Green, autor de A Culpa é Das Estrelas e Quem é Você, Alasca?, Neil Gaiman, que escreveu Deuses Americanos, e a veterana Margaret Atwood, autora de O Conto da Aia, dentre outros. Abaixo a tradução da carta:

Esta é uma carta de apoio à comunidade trans e não-binária de profissionais de publicação dos Estados Unidos e Canadá. É um complemento da carta que foi assinada na semana passada no Reino Unido.

Como membros da comunidade de redação e publicação dos Estados Unidos e Canadá, apoiamos firmemente as pessoas trans e não binárias e seus direitos.

Somos escritores, editores, jornalistas, agentes e profissionais em várias formas de publicação. Acreditamos no poder das palavras. Queremos fazer nossa parte para ajudar a moldar a curva da história em direção à justiça e à justiça.

Para esse fim, dizemos: pessoas não-binárias são não-binárias, mulheres trans são mulheres, homens trans são homens, direitos trans são direitos humanos.

Seus pronomes são importantes.
Você importa.
Você é amado

Comentários

Renan Oliveira
Renan é um jornalista de humor ácido (é bem ruim pela manhã) que acredita que informação é uma das armas mais poderosas contra a LGBTfobia.
COMPARTILHAR