Polícia tailandesa prende 62 gays por furar a quarentena em sauna

687
views

A polícia da Tailândia prendeu 62 homens gays no último sábado (22). A prisão ocorreu depois que as autoridades descobriram uma sex party numa sauna de Bangcoc. O país ainda impõe restrições para tentar conter o avanço da pandemia, portanto, aglomerações estão proibidas.

Segundo a Reuters, o coronel Ekapop Tanprayoon disse que já tinha orientado as pessoas a irem beber em casa em outras circunstâncias, “mas, nas atuais circunstâncias, não deveria haver tantas pessoas em uma área tão lotada”. Tanprayoon ainda acrescentou que a sauna em questão possuí dois prédios, uma com 50 dormitórios e outro com a sauna.

A polícia encontrou drogas, agulhas e camisinhas usadas no local da festa. Do 62 presos, 30 testaram positivo para uso de drogas, o que pode agravar ainda mais a situação diante da justiça. Desde março, a Tailândia determinou que aglomerações podem ser punidas com multas equivalentes a R$ 6 mil e até 2 anos de prisão.

Comentários

Renan é um jornalista de humor ácido (é bem ruim pela manhã) que acredita que informação é uma das armas mais poderosas contra a LGBTfobia.
COMPARTILHAR