Lutador que fez comentários homofóbicos é ex-ator pornô

531
views

O lutador de WWE, Lars Sullivan, teve o passado revirado e exposto no final de 2019. Depois de descobrirem que ele usava dois nicknames diferentes para fazer comentários racistas, sexistas e homofóbicos entre 2007 e 2014, descobriram que ele já fez filmes pornô gay.

De acordo com o Queerty, um dos comentários de Lars dizia “faria ele se sentir como a escória da sociedade” sobre descobrir um colega gay no trabalho. Em outro ele defendia que discriminar gays e estrangeiros era apenas um tipo de humor.

Quando as postagens vieram a tona, Lars usou o twitter, agora deletado, para se pronunciar. “Não existe desculpas para os comentários inapropriados que eu fiz no passado. Eles não refletem minhas crenças pessoais e nem o que eu sou nos dias de hoje”, dizia um comunicado divulgado pela WWE. Além da postagem, o lutador recebeu uma multa equivalente a R$400 mil.

Agora, com a ajuda do Reddit, chegou a internet algumas imagens de quando Lars atuou em filmes adultos. Além do rosto, as tatuagens no corpo de lar não deixaram nenhuma dúvida de que era mesmo ele.

Como resposta aos questionamentos e a exposição do passado, Lars excluiu a conta do twitter. Até o momento não há nenhum pronunciamento dele ou da WWE. Confira um trecho não explícito no qual o, agora lutador, diz que o parceiro de cena é “gostoso”.

 

Comentários

Renan Oliveira
Renan é um jornalista de humor ácido (é bem ruim pela manhã) que acredita que informação é uma das armas mais poderosas contra a LGBTfobia.
COMPARTILHAR