Bispos poloneses sugerem “Campo de Conversão” para LGBTs

20
views

Dessa vez foram líderes religiosos da Polônia que fizeram uma investida contra a comunidade LGBT do país. Em um documento de 27 páginas, bispos deixaram bem claro que não aceitarão nenhuma orientação sexual que não seja a hétero.

+ Polícia da Polônia prende ativistas LGBT

“Diante dos desafios criados pela ideologia de gênero e pelos movimentos LGBT+ e, principalmente, tendo em vista as dificuldades, sofrimentos e feridas espirituais vividas por essas pessoas, é necessário criar clínicas (com a ajuda da igreja ou dentro suas estruturas) para ajudar as pessoas a recuperar sua saúde sexual e orientação sexual natural”, diz parte do documento.

Os bispos também reconhecem que há uma crescente onda de violência contra pessoas LGBT, mas ao invés de buscar soluções para esse problema, sugerem “a cura” da orientação sexual que seria resultado de “feridas em vários níveis de sua personalidade”.

Em um tuíte com o link do documento, é citada a “obrigação de respeitar as pessoas associadas ao movimento LGBT+”, mas sem aceitar “seus pontos de vista”. Veja:

A obrigação de respeitar as pessoas associadas ao movimento LGBT+ não significa aceitar acriticamente seus pontos de vista – enfatizam os bispos na posição sobre LGBT+ adotada hoje pela Conferência Episcopal Polonesa

Comentários

Renan Oliveira
Renan é um jornalista de humor ácido (é bem ruim pela manhã) que acredita que informação é uma das armas mais poderosas contra a LGBTfobia.
COMPARTILHAR