Theo Barone quer gravar com astro pornô internacional

722
views

Faz pouco menos de dois anos desde que Théo Barone gravou seu primeiro trabalho para uma produtora pornô, mas foi tempo suficiente para que ele se tornasse um dos nomes mais buscados do cinema adulto nacional.

No nosso site, a busca pelo nome do ator cresceu 20% no último mês. Todos querem saber um pouquinho mais sobre o carioca de 25 anos e olhos claros que gosta de cantar, cozinhar e assistir filmes de terror, por isso, trouxemos uma entrevista exclusiva com Théo Barone. Confira:

Dentro do Meio: Como você começou no cinema pornô?

Théo Barone: Por enquanto só faço filmes. Precisava do dinheiro para ajudar numa operação do meu sobrinho e no desespero acabei conversando com um amigo que já tinha feito filmes e me indicou para a HotBoys. Eles me ligaram, mas não aceitei de início. Conforme a situação foi apertado e eu topei.

DdM: Sua família sabe que você faz filmes adultos?

Théo Barone: Todo mundo sabe, até por causa da dimensão que os filmes tomaram. Não aceitam muito bem, mas me respeitam.

DdM: Já sofreu discriminação por ser ator pornô?

Théo: Sim, mas achei que seria muito mais. Eu levo na esportiva e procuro não me deixar influenciar pela opinião do outros, a menos que seja para o meu crescimento.

DdM: Você só gravou com a HotBoys?

Théo: Até o momento sim. Eu tinha um relacionamento com o dono da HotBoys, então, procurava manter exclusividade. Mas agora já estou conversando com outras empresas para possíveis trabalhos.

DdM: Você é muito reconhecido na rua?

Théo: Muito mais do que eu imaginava, mas por ser ator pornô alguns fãs ficam com vergonha de se aproximar ou de que eu não falei com eles.

DdM: Então nunca passaram dos limites nas abordagens?

Théo: Quando é num lugar público as abordagens são tranquilas. Mas já passei aperto em boates e outros lugares LGBT. Uma vez encurralaram dentro do banheiro de uma academia e quando eu disse que não queria, a pessoa ficou puta.

Me disse que por eu ser ator pornô, eu deveria gostar de putaria e não podia recusar ele por ser um gato. Eu simplesmente coloquei um sorriso no rosto, respondi que “nem tudo é o que parece” e saí do banheiro.

DdM: Qual das cenas você mais gostou de gravar?

Théo: Gravei 8 filmes, mas da minha participação das audições hot.

DdM: Tem algum ator com quem você quer trabalhar?

Théo: Sim. Quero gravar com o Rhyheim Shabazz. Acho ele foda.

DdM: Então, você pensa em investir numa carreira internacional?

Théo: Nesse momento, eu estou pensando em várias coisas boas e carreira internacional com certeza é uma delas.

Comentários