Diretor de Call Me By Your Name explica porque escala héteros para interpretar gays

65
views

Ame ou odeie, mas é praticamente impossível ficar indiferente ao longa Call Me By Your Name (2007). O filme, que vem levantando rumores sobre uma possível sequência “em breve”, teve como uma das maiores críticas o fato de ter atores héteros vivendo personagens gays.

+ Autor de Me Chame Pelo Seu Nome diz que pai de Elio não é gay

Luca Guadagnino, diretor do longa e abertamente homossexual, defendeu a escalação de Timothee Chalamet e Armie Hammer para viver os protagonistas Elio e Oliver.

Em entrevista para o site Independent, Guadagnino esclareceu que não questiona a orientação dos atores que trabalha com ele e explicou que não vê razão para que somente atores gays interpretem gays. Para ele, o comprometimento com o papel deve ser maior do que acabar com as críticas sobre escalar mais gays.

“Se eu tivesse que escalar o que as pessoas acham que é real para um papel, eu não seria capaz de escalar. Não posso escalar um gay para interpretar Oliver. Tenho que escalar Oliver para interpretar Oliver porque as identidades dos gays são tão múltiplas quanto as flores no reino da terra. Então, não existe uma identidade gay. Um gay é completamente diferente de outro”, explicou.

Ele prosseguiu justificando que o Oliver é um personagem ficcional e que, por isso, escalou alguém que fosse capaz de incorporar todas as nuances de um personagem e que se atores só pudessem interpretar com base em suas experiências pessoas, um serial killer deveria ter interpretado Hannibal Lecter.

Comentários

Renan Oliveira
Renan é um jornalista de humor ácido (é bem ruim pela manhã) que acredita que informação é uma das armas mais poderosas contra a LGBTfobia.
COMPARTILHAR