VULGAR: livro de pornografo debate discriminações e nudez

206
views

Depois de 10 anos inteiros e 640 pessoas fotografadas, o ator e pornografo André Medeiros Martins finalizou e lançou o livro VULGAR que debate questões de gênero, raça, sexualidade, pornografia, classe, fetichização, violência e interdição.

A publicação, de 370 páginas, passou por uma curadoria e traz nas páginas apenas 190 das pessoas clicadas, além de 50 textos assinados por Renata Carvalho, Janaína Leite, Carolina Bianchi, Estela Lapponi, Ronaldo Serruya, Bruna Kury, Fause Haten e Marcelo Denny, dentre outros.

Com recortes que falam sobre o corpo trans, negritude, pornografia, moda, gordofobia e HIV/AIDS, VULGAR foi editado por Hudson de Carvalho e conta com artes gráficas de Betinho Neto.

“Nesses 10 anos como fotógrafo de nus, o meu olhar passou por uma série de corpos, de padrões a dissidentes, que não são elegantes ou domados. O simples fato de tirar a roupa já deflagra várias coisas”, explica André Martins. Você pode adquirir seu livro clicando aqui.

Comentários

Renan Oliveira
Renan é um jornalista de humor ácido (é bem ruim pela manhã) que acredita que informação é uma das armas mais poderosas contra a LGBTfobia.
COMPARTILHAR