“Querem impor a sexualidade para cristãos”, diz presidente da Embratur

208
views

Na última quarta-feira (24), Gilson Machado, presidente da Embratur, fez um comentário extremamente homofóbico que mostra que ele está completamente alinhado a postura de Bolsonaro, que em 2019 disse que o Brasil não poderia ser conhecido como “paraíso do mundo gay”.

Durante uma live com a ministra Damares, que tinha como tema o “Direito à vida e dignidade”, Machado fez duras críticas ao espetáculo “O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu”, no qual Cristo é interpretado por uma mulher trans.

“Eu não tenho nada contra quem usa seu orifício rugoso infra-lombar para fazer sexo. Mas querer impor a sexualidade a uma grande maioria de cristãos e querer desvirtuar a forma que Jesus Cristo veio à Terra…”, argumentou.

Ele fez questão de enfatizar que “Jesus era homem” e que na bíblia também a imagem de uma mulher forte, que é Maria. Além de Machado, ninguém fez nenhum comentário sobre o assunto. Assista a transmissão completa:

Comentários

Renan Oliveira
Renan é um jornalista de humor ácido (é bem ruim pela manhã) que acredita que informação é uma das armas mais poderosas contra a LGBTfobia.
COMPARTILHAR