Justiça acata denúncia de LGBTfobia contra Carlinhos Mendigo

567
views

O ex-Pânico na TV Carlos Alberto Silva, conhecido como Mendigo, está prestes a virar réu num caso de LGBTfobia depois que a Justiça de São Paulo acatou uma denúncia do Ministério Público por incitar preconceito contra membros da comunidade. Ele usou “liberdade de opinião” e o fato de ser religioso como justificativa pelas palavras.

A decisão de receber a denúncia, feita pelo ativista Agripino Magalhães, suplente de deputado estadual, veio através de uma decisão da 3ª Vara Criminal da Barra Funda, por meio da juíza Cecília Pinheiro da Fonseca. Como Mendigo vive em Salvador, Bahia, a Justiça ainda analisa para que lugar o caso será distribuído para que só então ele seja oficialmente considerado réu.

Já há investigações em curso para determinar se as postagens discriminatórias foram feitas pelo ex-Pânico na TV. Durante depoimento para Polícia Civil ele admitiu a autoria do ataque a Thammy Miranda, escolhido para estrelar uma campanha de dia dos pais, mas disse não reconhecer outras postagens. A Delegacia Especializada de Crimes Raciais do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) pediu que Twitter e o Facebook enviasse informações.

Vale lembrar que todos os trâmites de um julgamento ocorrem com base na decisão do Supremo Tribunal Federal que equiparou crimes de LGBTfobia ao crimes de racismo.

Comentários

Renan é um jornalista de humor ácido (é bem ruim pela manhã) que acredita que informação é uma das armas mais poderosas contra a LGBTfobia.
COMPARTILHAR