Antes da estreia, “Quem Vai Ficar Com Mário?” é criticado por estereótipos

805
views

Um homem gay e comprometido quer se assumir para a família conservadora, mas tem seus planos interrompidos quando seu irmão decide se assumir antes dele. Com medo da reação do pai em saber que tem dois filhos gays, ele passa a se fingir de hétero e, bem de repente, acaba de apaixonando por uma mulher. Isso é pouco do que acontece em “Quem Vai Ficar Com Mário?”, nova comédia romântica LGBTQ+ da Paris Filmes.

O longa nem estreou, mas pelo trailer já ganhou algumas críticas por parte do público que, apesar de ter na produção as atrizes Nanny People (trans) e Letícia Lima (lésbica), achou estranho um filme LGBTI ter a maior parte do elenco composto por pessoas heterossexuais interpretando gays, além do reforço de estereótipos tido como negativos e enredos já vistos e bastante criticados em novelas: homossexuais afetados e escandalosos; piadas caricatas como o nome “Mário” e “Armário”; frases de teor sexual como “adoro uma linguiça” e gays que magicamente se interessam por mulheres, como se a orientação sexual pudesse ser transformada com facilidade. Os comentários estão todos no canal Ingresso.com no YouTube, onde o trailer oficial está hospedado, mas selecionamos alguns.

Daniel Rocha, que interpreta o protagonista Mário, também foi criticado. Alguns usuários lembraram de Roni, personagem dele em “Avenida Brasil” (2012), que inicialmente seria gay e teria um interesse amoroso por Leandro, papel de Thiago Martins, mas o romance não teve desenvolvimento e no final os dois viraram um trisal com Suellen, interpretada por Isis Valverde. Por conta do trailer, os espectadores acreditam que seu novo personagem terá o mesmo destino primeiro papel dele na TV.

Em 2019, em entrevista ao Jornal O Globo, João Emanuel Carneiro, autor do folhetim, revelou que tinha interesse em trabalhar mais com o personagem, mas não conseguiu. “Tem o personagem do gay que eu queria ter desenvolvido mais, do Roni (vivido por Daniel Rocha). Não deu tempo nem teve espaço para ele, mas eu queria ter dado mais espaço”, disse ele.

Apesar das críticas, o novo “ex-gay” de Daniel Rocha também ganha admiradores. Alguns acreditam que o personagem se descobrirá bissexual e que o tema poderá ser abordado no longa. No Instagram do filme, a frase “nenhum rótulo vai limitar sua felicidade” é usada para descrever o personagem. “Quem Vai Ficar Com Mário?” estreia em 10 de junho nos cinemas brasileiros, assista ao trailer.

Comentários

Felipe Caldas é jornalista em construção criativo e curioso. Ama tudo relacionado a internet, cultura pop e ao universo LGBT.
COMPARTILHAR