Mulher quer registrar arco-íris como uma marca para que LGBT+ deixem de usá-lo

64
views
(RENAN OLIVEIRA/Dentro do Meio)

Linda Harvey, fundadora do grupo anti-LGBT Missão America, anunciou que vai tentar registar o-íris como uma marca para que LGBT+ parem de “violar” e “estuprar” a aliança de Deus com a terra.

+ Pastor homofóbico chama evento LGBT de “obra de satanás” no ES

“A doce imagem do arco-íris agora serve como uma coleira de escravidão para o grave pecado homossexual”, escreveu Linda em um artigo. Ela também disse que agora o arco-íris está associado a satanás.

“O Arco-íris deveria vir acompanhado do sorriso de Deus. Deus não está sorrindo da conduta homossexual, do desafio dos gêneros dados por Ele ou da corrupção das nossas crianças. Ele jamais irá sorrir disso”, argumentou a cristã que é assumidamente apoiadora de Trump.

Ela sugeriu que moverá uma ação por se sentir extremamente ofendida pela quantidade de bandeiras LGBT que viu durante o mês do orgulho e justificou que o processo será “porque os depravados tomaram pra si e corromperam o glorioso sinal de esperança do Senhor”

Comentários