Vídeo mostra pai espancando filho por homofobia

354
views

Viralizou no twitter um vídeo de dois homens dando golpes de cinta em um jovem notadamente menor. A “surra”, motivada por homofobia, aconteceu em 2018, mas foi divulgada na rede social na última segunda-feira (25).

Joey Vieira, que aparece apanhando do pai e do irmão mais velho no vídeo, contou ao Dentro do Meio que desde aquele dia teve intenção de denunciar o pai, mas acabou não fazendo por temer pela segurança do irmão mais novo.

“Tem câmeras de vigilância na casa dele. Na época, eu tinha acesso ao sistema delas. Logo após o ocorrido eu baixei as imagens, salvei em várias nuvens e mandei para alguns amigos de confiança. Pois, se algo mais grave acontecesse, eu queria que soubessem quem foi”, contou.

A decisão de divulgar o vídeo veio depois que o pai expulsou Joey de casa. “Ontem (terça) ele descobriu sobre o vídeo e disse que me queria fora imediatamente”.

Joey saiu de casa, mas está seguro. Por motivos de segurança, ele não revelou com quem está vivendo.

“Ele tem um histórico de perseguir e ameaçar qualquer um que fique contra ele. Ou pelo menos arruma alguém pra fazer o trabalho sujo por ele, como fez com meu irmão no vídeo”, pontuou

Pai agressivo e influente

Joey sempre teve problemas com a agressividade do pai. A mãe dele, inclusive, saiu de casa há 10 anos depois de se cansar das agressões do marido.

“Foram feitas denúncias, mas ele pagou algumas pessoas e influenciou outras para que o processo fosse arquivado”, revelou.

Na internet, encontraram um processo no nome de Josué Anunciado Vieira, pai de Joey. De acordo com o jovem, o pai dele é juiz, por isso, a influência.

Durante a infância, Josué chegou a levar o filho para igreja e jogar uma água abençoada no filho para “mudar a sexualidade” dele. “Ele disse que preferia que eu morresse do que fosse gay”.

Comentários

Renan Oliveira
Renan é um jornalista de humor ácido (é bem ruim pela manhã) que acredita que informação é uma das armas mais poderosas contra a LGBTfobia.
COMPARTILHAR