Parada LGBTI de Taiwan pede por casamento igualitário

51
views
Parada LGBTI de Taiwan reúniu milhares nas ruas

Cerca de 140 mil pessoas foram as ruas de Taipei no último sábado durante a Parada LGBTI de Taiwan para sensibilizar a população a votar SIM no referendo que acontecerá em novembro sobre casamento igualitário.

+ Mulher é presa por pedir namorada em casamento na Tanzânia

O governo convocou o referendo depois que a Suprema Corte anunciou, em Maio de 2017, que pretendia colocar o casamento entre pessoas do mesmo sexo na constituição do país. 

O tema escolhido pela organização da Parada foi “Conte sua história, Vote pela igualdade”. Muitos participantes foram as ruas com cartazes pedido para que a população de Taiwan não negue esse direito aos LGBTI.

Maior Parada LGBTI da Ásia

Organizadores dizer que ao menos 137 mil pessoas participaram da Parada LGBTI de Taiwan, que é a 16ª edição do evento.  Embora a concentração tenha acontecido em um único lugar, multidão seguiu por três rotas distintas.

Além de quebrar o recorde de pessoas na Parada de Taiwan, os números colocam  o evento como o maior do gênero em toda a Ásia, atraindo inclusive pessoas da Malásia e da Coreia do Sul.

Casamento igualitário garantido

O referendo que acontece em 24 de novembro não é para definir se pessoas do mesmo sexo poderão se casar, mas para que população escolha como o casamento igualitário, que já está garantido, se encaixará nas leis do país.

Caso a maior parte da população vote SIM, a lei civil será mudada e o casamento não será mais definido entre “homem e mulher”. Se a maioria votar não, uma nova lei será feita para tratar exclusivamente de casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Houve um abaixo assinado contra o casamento igualitário no país, mas isso não intimidou a Suprema Corte que deu 2 anos, a partir de maio de 2017, para que o governo alterasse a lei em favor de pessoas LGBTI.

 

Comentários