Boquetaxi recebe denúncias no YouTube e Lia Clark fala sobre LGBTfobia

Nós já tínhamos te contado que o novo clipe da Lia Clark estava dividindo opiniões no Twitter. Aconteceu que nesta quarta-feira (26), o vídeo da cantora passou a ter restrição de idade.

+ Boss in Drama e Linn da Quebrada se juntam para ensinar o “Close Certo”

Boquetaxi, que faz parte do EP Clark Boom, agora só pode ser assistido por maiores de 18 anos. Lia usou as redes sociais para expressar seu descontentamento com as denúncias que fizeram com que o Youtube restringisse o público.

“Eu poderia listar milhões de vídeos/músicas cis-héteros brasileiros que constam no YouTube com nudez e palavrões nos quais não consta a tal restrição de +18”, escreveu a funkeira.

“Só quero deixar explícito que isso é LGBTQfobia e este preconceito não está vindo exclusivamente dos cis-hétero, mas também dentro da nossa comunidade que acaba acreditando que se enquadrar aos padrões de higienização imposto por nossos opressores é uma questão de respeito. Não, não é!”, continua.

Até a publicação desta matéria, o clipe, postado há 22 horas, já possuía 416 mil visualizações. Ainda não assistiu? Confira:

Sobre o Autor

Renan Oliveira
Renan Oliveira
Renan um é jornalista de humor ácido (é bem ruim pela manhã) que acredita que informação é uma das armas mais poderosas contra a LGBTfobia.

Comentários